quarta-feira, dezembro 14, 2011

Pré ou Pós - conceito?

 Todo povo, toda nação, possuem características marcantes e próprias, mas quando apontadas geralmente causam desconforto, pessoas chamam isso de preconceito, mas eu, claro, discordo! Acho que analisando a história e vendo o comportamento de determinado povo através dos tempos, é possível traçar um perfil, é possível criar um "estereótipo", seja ele positivo ou negativo, eu gosto de chamar isso de pósconceito!

Claro que tal "estereótipo" não pode ser aplicado a TODAS as pessoas que vivem em um determinado país, mas não sejamos hipócritas, as coisas funcionam assim, se você vai numa festa que tem 20 pessoas, e 8 estão acima do peso, quando for perguntado sobre a festa você vai responder sem hesitar - Só tinha gordo naquela porra! – Fato! Mas nós seres humanos generalisamos sim, e eu trabalho com realidade, não tenho compromisso em ser politicamente correto, não quero agradar ninguém!

Mas antes que a minha prolixidade tome conta, vou explicar o porquê desse texto.

Resolvi escrever sobre isso por causa dos ataques que aconteceram ontem (13/12/11) na Bélgica, mas eu ainda chego lá, primeiro eu vou falar sobre alguns estereótipos bem conhecidos:

Não tá sabendo o que aconteceu? Clique aqui.

Acredito que estas descrições abaixo, são inegáveis, mas sempre vai ter uma mala que acha que vive num filme da Disney onde todo mundo é bonito e legal e vai discordar!

Brasileiros: Acham que são os “malandrões” da história, querem passar a perna até na mãe, saem pelos quatro cantos do mundo dizendo que são um povo generoso e que gostam de ajudar uns aos outros, qualidades essas que podem facilmente ser notadas no trânsito, quando estamos num cruzamento esperando alguém dar passagem ou no metrô quando as pessoas além de passarem umas por cimas das outras, ainda fingem estar dormindo para não ter que ceder o assento preferencial a um idoso... muuuito generoso o brasileiro, não!?

Americanos: O negócio deles é encher o c* de gordura mesmo, e além disso eles também não enxergam um palmo à frente do nariz, acham que tudo que existe de bom no mundo pertence a eles, tipo a Amazônia. Assistiram muito Superman na infância e acreditaram que o papel dos EUA é realmente salvar o mundo, quando na verdade são eles os que mais f*$@% com o mesmo!

Argentinos: Todos eles têm mullets e queimam a rosca!

A galera do oriente médio: Bom... Agora eu cheguei onde eu queria! O negócio dessa turminha é meter bala nos outros e explodir bombas! Aahh, massacre é com eles mesmo! Já sexo não é muito a praia deles não, se tem uma coisa que deixa essas caras putos da vida, além do imperialismo norte-americano, é uma gostosa pelada. Não sei o que acontece, mas se eles veem uma mulher mostrando um pouquinho do corpo já acham que é uma prostituta e querem apedrejar a coitada, e olha que eu já vi isso, estava em Sydney quando rolou a famosa Cronulla Riots em 2005, então eu sei o que eu estou falando, só pra ter uma idéia, a "guerra" lá começou porque uns libaneses viram umas meninas de bikini na praia e de repente acharam que estavam no Baixo Augusta!

Mas enfim, a verdade é que muçulmanos ou não, esses caras gostam de uma treta, são “tudo” loco! E o que isso tem a ver com o negócio da Bélgica é o seguinte, eu posso até estar falando besteira, é um tiro no escuro, mas esse cidadão com esse nomezinho e com essa carinha, adivinha de onde ele veio? Pode até ter nascido na Bélgica, o que é outra história, mas que ele deve ter um pezinho ali na querida Ásia Menor, ah, ele deve!


Olhe e reflita, o nome do bonitão era Nordine Amrani!



Por favor não me processem, tudo que é colocado neste site tem teor humorístico, vão se preocupar com os políticos que estão todos os dias, cada vez mais, acabando com o nosso país!

Deixem seus comentários!!!

#NowPlaying: Pilot - Canada

4 comentários:

  1. Você se encaixa no Perfil: Fascista Cômico.
    (hahahaha)

    *Para saber sobre um Fascista Cômico visite aqui:
    (http://www.youtube.com/watch?v=0kM8asmaTQw)
    (rs)

    E um ADENDO(me perdoe por usar esse termo que é quase seu rs) você já escreveu sobre isso não?

    ResponderExcluir
  2. Eu sou o rei dos adendos! hahaha Não sei se já escrevi sobre isso, daí o nome do blog, Memória? Que Memória?.
    Ps. Fascista não, nem se for cômico, eu só gosto de rir dos outros, a única raça q eu discrimino é a dos políticos brasileiros!

    ResponderExcluir
  3. Fui acompanhar do seu site por um longo tempo eu leio esses artigos, esta é uma leitura interessante vou continuar a prestar atenção a ela mais
    Seu artigo é um do estilo mais clássico, quando eu li uma vez, fiquei profundamente no amor com eles, você olha para a frente a obra mais perfeita.

    ResponderExcluir